“Formação de quadrilha, corrupção ativa e possível organização criminosa” e afastamento de um servidor ( a ) da secretaria do Meio Ambiente da Prefeitura de Imperatriz.


 Investigação apura irregularidades em licenças ambientais




O Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), do Ministério Público do Maranhão, com auxílio dos promotores de justiça das Comarcas de Buriticupu e Olho d’Água das Cunhãs, em conjunto com a 1ª Promotoria de Justiça Especializada na Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa de Imperatriz, realiza, na manhã desta quinta-feira, 25, a Operação Dique.

A operação, realizada na cidade de Imperatriz, com o apoio da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor), cumpre decisão judicial da Central de Inquéritos e Custódia de Imperatriz, que expediu ordem de busca e apreensão de bens na sede das empresas J.M.G Construções e Empreendimentos Imobiliários, S.W.M Construções e Emprendimentos Ltda. e Verde Florestal – Projetos e Consultoria Ambiental Ltda., bem como na residência de pessoas envolvidas na prática de crimes de falsidade ideológica, corrupção passiva e ativa, prevaricação, além de possível organização criminosa e de crimes contra o meio ambiente.

Também foram autorizados o sequestro e a indisponibilidade de bens dos investigados, assim como o afastamento de um servidor da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Imperatriz (Semmarh), pelo prazo de 180 dias ou até o fim das investigações.

INVESTIGAÇÕES

As investigações do MPMA começaram após denúncia da Semmarh, indicando uma série de irregularidades em processos administrativos de instalação e de renovação de licenças de operação dos empreendimentos Loteamento Jardim Sumaré, Residencial Vila Jardim e Loteamento Boa Vista. Dentre as irregularidades noticiadas, está a construção de um empreendimento em área de preservação ambiental.

Durante as investigações, foi constatado que o responsável técnico pelos empreendimentos se tratava, na verdade, de uma figura fictícia, criada para dar ares de legalidade aos processos de licenciamento. Também foram identificados pagamentos efetuados por uma das empresas envolvidas a servidor da Secretaria de Meio Ambiente responsável pela análise dos pedidos de licença, indicando beneficiamento indevido para mascarar as irregularidades.

DIQUE

Origem do nome da operação: Barramento construído para redução das enxurradas. Alusão à ação do MP, do Judiciário e da Polícia Civil, no sentido de coibir as aludidas ações ilícitas.

Prefeita Marília Gonçalves construirá o CAIS na região do COCAL e curso superior para a população do município em parceria com a UEMA-SUL.

 



Em reunião com o Governador Flávio Dino, a prefeita Marília Gonçalves conquista mais investimentos e qualidade de vida para a população de São Pedro da Água Branca. Em menos de um ano de gestão a cidade não é a mesma, está se transformando na “cidade que a gente quer”.



A equipe de Governo da atual gestão é extremamente dedicada e compromissada, onde, tem desempenhado um ótimo trabalho com o objetivo de proporcionar o desenvolvimento do município. A determinação da Prefeita Marília é que São Pedro se transforme na cidade modelo do Maranhão.



No Maranhão, COAF identifica movimentações financeiras suspeitas envolvendo duas prefeituras e duas empresas

 


Do Piauí, as empresa operam no ramo de distribuição de medicamentos

O Ministério Público do Maranhão através do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas – GAECO, iniciou uma investigação contra duas empresas e duas prefeituras do Maranhão após o Conselho de Controle de Atividades Financeiras – COAF, identificar movimentações financeiras considerada suspeitas também envolvendo duas empreas.

De acordo com o levantamento de inteligência do COAF, as transferências foram feitas pelas as empresas Domus Representações e Horizonte Distribuidora De Produtos Para Saúde Eireli, envolvendo os municípios de Trizidela do Vale e Lima Campos, ambos no interior do Maranhão.

Segundo apurou a Folha do Maranhão, ambas as empresas estão registradas na cidade de Teresina, capital do Piauí. As duas possuem capital social de R$ 100 mil.

A empresa Horizonte Distribuidora de Produtos para Saúde Eireli, está em nome de Luiz Carvalho dos Santos. A empresa já faturou R$ 1.900.490,17 em apenas 6 contratos com a prefeitura de Lima Campos e mais R$ 942.477,88 em 19 contratos com a prefeitura de Trizidela do Vale.

Ainda de acordo com o levantamento, a Domus Representações está em nome de Franciane do Nascimento Santos. Dados da Receita Federal mostra que a empresa foi criada no final do ano passado.

A Folha do Maranhão não achou contrato da empresa junto as prefeituras citadas, mas aparece no relatório realizado pelo COAF.

Fonte: Folha do Maranhão

Para não perder o resto de cabelos da cabeça, Prefeito Assis Ramos resolveu terceirizar a saúde pública de Imperatriz.


 

Ontem, 24, na casa de leis do município de Imperatriz a pauta do dia contava com às matérias da maldade! Entre elas, a terceirização da saúde pública do município de Imperatriz. Tudo indica que não é só a saúde, mas, tudo no município será terceirizado para que não haja mais preocupação para o atual gestor.


A iniciativa partiu do poder executivo, o prefeito Assis Ramos visa piorar ainda mais os serviços públicos, além deste fator, acabou com concurso público no município. Essa é mais uma pitada de maldade para quem realmente provou que não gosta da cidade de Imperatriz. ( Abram os olhos eleitores de Imperatriz)


O projeto foi aprovado pela Câmara Municipal de Vereadores e prevaleceu a vontade do prefeito, vereadores votaram contra o povo para satisfazer o ego do Prefeito Assis Ramos.




PUBLICIDADE:

PUBLICIDADE:

CÂMARA MUNICIPAL DE IMPERATRIZ

CÂMARA MUNICIPAL DE IMPERATRIZ

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DA ÁGUA BRANCA

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DA ÁGUA BRANCA

PLATAFORMA BRASIL

PLATAFORMA BRASIL

BRASIL

BRASIL
Fale conosco via Whatsapp: +55 99 991420820

Pesquisar este blog

Publicidade:


OUTUBRO ROSA

OUTUBRO ROSA



Postagem em destaque

BOMBA! Fraude de documentos do CREA-MA e CONSTRUTORA MARAUTO ( TRANSFORMAR )

Diversas denúncias acerca de uma suposta fraude de documentos públicos, e um deles foi a falsificação de um termo de capacidade técnica da e...

RCNEWS TV

RCNEWS
logo%2BNova_ALEXANDRE%2BARA%25C3%259AJO%2Bpng

Recado para os Políticos

celso
Liberdade%2Bde%2Bimprensa%2B3

Arquivo do blog

Postagens mais visitadas